Corregedoria do TJDFT disponibiliza roteiro de Direito Sucessório para advogados

Facebook0
Twitter200
Instagram0
WhatsApp
FbMessenger

Loading

A Corregedoria da Justiça do Distrito Federal e dos Territórios, por meio da Coordenadoria de Correição e Inspeção Judicial do TJDFT (COCIJU), disponibilizou o “Manual – Roteiro de Direito Sucessório para os Advogados”, guia relacionado ao rito do direito sucessório e às exigências de apresentação de documentos, destinado aos advogados.

O objetivo da publicação é reduzir as indicações de procedimentos àqueles que são efetivamente executados pelos advogados, também detalhando e tornando mais diretivas as instruções.

O manual possui esclarecimentos abrangentes quanto ao cadastramento de documentos por advogados e serve de auxílio e orientação às demais Varas de Órfãos e Sucessões do Distrito Federal. 

Sobre o Manual

O “Manual – Roteiro de Direito Sucessório para os Advogados” foi desenvolvido pela Coordenadoria de Correição e Inspeção Judicial (COCIJU), em parceria com as Unidades Judiciais – 1ª e 2ª Varas de Órfãos e Sucessões de Brasília.

A publicação surgiu a partir do Projeto de Acompanhamento Permanente das Unidades Jurisdicionais de Primeira Instância com maior dificuldade em atingir as Metas Nacionais 1, 2 ou com recorrente excesso de prazo de conclusão.

O projeto foi desenvolvido em atendimento à Diretriz Estratégica 1 das Corregedorias.

Link útil

“Manual – Roteiro de Direito Sucessório para os Advogados”

Fonte: TJDFT

Visite-nos pelo https://linktr.ee/cartoriodesobradinho

(Siga o Cartório de Sobradinho no Instagram)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine e fique por
dentro de nossas
últimas notícias!

Balcão Virtual Extrajudicial!

Certificado
E-notariado

Veja Mais

STJ – É possível penhora de bem de família para pagar dívida

Loading

A dívida proveniente de contrato de empreitada para a construção – ainda que parcial – de imóvel residencial faz parte das exceções legais que permitem a penhora do bem de família. Com esse entendimento, a Quarta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) confirmou acórdão do Tribunal de Justiça do

Olá visitante!

Institucional

Telefone: (61) 3298-3300

Endereço: Quadra Central Bl. 07 Loja 05

Receba nosso boletim semanal exclusivo com notícias de direito notarial e registral

Fique por dentro de todas as nossas novidades e serviços

 

Conheça também nossa página de Serviços e nosso Blog 

Também não gostamos de Spam, manteremos seus dados protegidos, Veja nossa política de privacidade