DICA DE LEITURA: “SEM HOMENAGEM”, DE MÁRIO MONTANHA TEIXEIRA FILHO

Facebook0
Twitter200
Instagram0
WhatsApp
FbMessenger

Loading

A dica de hoje do jornalista Anderson Olivieri – responsável pela comunicação do Cartório de Sobradinho – é a crônica “Sem homenagem”, de autoria do jurista Mário Montanha Teixeira Filho:

Um amigo meu me cobrou uma mensagem para o Dia Internacional da Mulher. Respondi-lhe que não escreveria nada, que não tinha tempo, que tudo o que dissesse seria uma repetição vazia de clichês. De fato, acho que estou cansado. Não vou discorrer sobre a importância da data, sobre o papel da mulher na luta contra a opressão, sobre os desafios que ainda existem, sobre a vida e o amor, o sexo e o trabalho, etc., etc., etc… Isso já foi retratado, com mais ou menos poesia e sinceridade, por muita gente. Não serei eu a pretender a verdade definitiva em torno de um assunto tão delicado, complexo e belo.

Lamento que o Dia Internacional da Mulher esteja cada vez mais incorporado à institucionalidade. Daí a ojeriza que me provocam as frases feitas, quase sempre ditadas por grandes reacionários, machões incorrigíveis, a exaltar a sensibilidade da mulher. Há hipocrisia nesse discurso, que encara o mundo feminino como mero detalhe, perfumaria para amansar o cotidiano atribulado e grave dos homens. Como há hipocrisia nos mimos patrocinados no 8 de Março por empresários, banqueiros e canalhas de todos os tipos, especialistas em reservar algumas poucas horas do ano para homenagear o óbvio e, logo em seguida, exibir seus preconceitos estúpidos, doses cavalares de egoísmo e violência.

Também me soa estranha, porque excessiva, a descrição da mulher como sangue, útero, corpo, alma e sofrimento, recorrente em textos, poemas engajados e manifestos políticos. Compreendo a mensagem, concordo com ela, mas não gosto da forma melodramática de que se veste.

Espero, apenas, que a luta das mulheres mantenha, para sempre, a sua natureza classista, libertadora, ampla e magnífica. Por isso respondo ao meu amigo que permanecerei em silêncio neste dia. Um silêncio calmo e contemplador da essência profundamente feminina da vida, da minha vida. Se fosse original repetir a palavra de Gil, eu repetiria com o coração: “minha porção mulher, que até então se resguardara / é a porção melhor que trago em mim agora / é a que me faz viver”.

Como o dito já foi dito, porém, recolho o verbo.

Visite-nos pelo https://linktr.ee/cartoriodesobradinho

(Siga o Cartório de Sobradinho no Instagram)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine e fique por
dentro de nossas
últimas notícias!

Balcão Virtual Extrajudicial!

Certificado
E-notariado

Veja Mais

DICA DE LEITURA: “AH! ESSAS MULHERES”, DE RENATA MOFATTI

Loading

A dica de hoje do jornalista Anderson Olivieri – responsável pela comunicação do Cartório de Sobradinho – é a crônica ‘Ah! Essas Mulheres”, de autoria da escritora Renata Mofatti: Pensei em escrever com leveza e simplicidade sobre as mulheres. Queria escrever um texto que fluísse de uma forma bem leve,

Guarda compartilhada é possível mesmo que pais morem em cidades diferentes

Loading

A guarda compartilhada – regime obrigatório de custódia dos filhos, salvo as exceções previstas em lei – deve ser fixada mesmo quando os pais morarem em cidades diferentes e distantes, especialmente porque esse regime não exige a permanência física do menor em ambas as residências e admite flexibilidade na definição

DICA DE LEITURA: “METADE”, DE OSWALDO MONTENEGRO

Loading

A dica de hoje do jornalista Anderson Olivieri – responsável pela comunicação do Cartório de Sobradinho – é o poema “Metade”, do cantor e poeta Oswaldo Montenegro: Que a força do medo que tenho Não me impeça de ver o que anseio Que a morte de tudo em que acredito

Olá visitante!

Institucional

Telefone: (61) 3298-3300

Endereço: Quadra Central Bl. 07 Loja 05

Receba nosso boletim semanal exclusivo com notícias de direito notarial e registral

Fique por dentro de todas as nossas novidades e serviços

 

Conheça também nossa página de Serviços e nosso Blog 

Também não gostamos de Spam, manteremos seus dados protegidos, Veja nossa política de privacidade