DICA DE LEITURA: “QUEM MANDA É A PALAVRA”, DE ANTONIETA DIAS MORAES

Facebook0
Twitter200
Instagram0
WhatsApp
FbMessenger

Loading

A dica de hoje do jornalista Anderson Olivieri – responsável pela comunicação do Cartório de Sobradinho – é o poema “Quem manda é a palavra”, de Antonieta Dias Moraes:

Aqui quem manda é a palavra,
senhora da fantasia
e ferramenta da mágica,
que tudo faz e improvisa
com a voz do abracadabra.

No jogo da fantasia,
pronunciar a palavra
é transformar em magia
o que se diz não ter graça,
a vida no dia a dia.

Eu, tu, você, eles, a gente,
digamos, pois, todos nós,
que somos simples viventes,
ouviremos nossa voz,

a palavra frente a frente.

Visite-nos pelo https://linktr.ee/cartoriodesobradinho

(Siga o Cartório de Sobradinho no Instagram)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine e fique por
dentro de nossas
últimas notícias!

Balcão Virtual Extrajudicial!

Certificado
E-notariado

Veja Mais

CONFIRA A NOVA EDIÇÃO DA REVISTA “CARTÓRIOS COM VOCÊ”: OS CARTÓRIOS DIGITAIS O ANO DA PANDEMIA QUE REVOLUCIONOU O SERVIÇO EXTRAJUDICIAL NO BRASIL

Loading

A Associação dos Notários e Registradores do Brasil (ANOREG/BR) disponibilizou a edição n. 23 da revista “Cartórios com Você”, publicação trimestral do Sindicato dos Notários e Registradores do Estado de São Paulo (SINOREG/SP), da Associação dos Notários e Registradores do Estado de São Paulo (ANOREG/SP) e ANOREG/BR voltada aos operadores do Direito e integrantes dos Poderes Judiciário, Legislativo

Receita Federal amplia divulgação de interpretações tributárias vinculantes

Loading

Entendimentos vinculantes decorrentes do julgamento de Ações Diretas de Inconstitucionalidade pelo STF agora podem ser consultados no sítio da RFB na internet. No primeiro semestre deste ano, a Receita Federal criou uma área específica em seu sítio eletrônico para divulgar interpretações tributárias vinculantes relacionadas aos tributos que administra – também

DICA DE LEITURA: “AMOR LÍQUIDO”, DE NICOLAS BEHR

Loading

A dica de hoje do jornalista Anderson Olivieri – responsável pela comunicação do Cartório de Sobradinho – é o poema “Amor líquido”, do poeta cuiabano, desde 1974 radicado em Brasília, Nicolas Behr: Amor líquido sem beijo as salivas se revoltam boca desértica língua de areia lambendo tamanduás quando nos beijamos

Olá visitante!

Institucional

Telefone: (61) 3298-3300

Endereço: Quadra Central Bl. 07 Loja 05

Receba nosso boletim semanal exclusivo com notícias de direito notarial e registral

Fique por dentro de todas as nossas novidades e serviços

 

Conheça também nossa página de Serviços e nosso Blog 

Também não gostamos de Spam, manteremos seus dados protegidos, Veja nossa política de privacidade