Conselho da Justiça Federal autoriza licença remunerada a servidores que adotarem adolescentes

Facebook0
Twitter200
Instagram0
WhatsApp
FbMessenger

Loading

Em sessão telepresencial realizada no último dia 18, o Conselho da Justiça Federal (CJF) autorizou a concessão de licença remunerada àqueles servidores que adotarem adolescentes entre 12 e 18 anos de idade.

Essa nova regra passa a incorporar a redação do artigo 21 da Resolução CJF nº 2/2008 e do artigo 3º da Resolução CJF nº 30/2008, que antes previam somente a concessão da licença para servidores adotantes de crianças de até 12 anos.

No CJF, a relatoria do caso coube ao desembargador federal Vladimir Carvalho, que, em seu voto, defendeu a alteração das normas do CJF a fim de entrarem em consonância com o entendimento vigente nas duas principais cortes superiores.

“Na esfera administrativa, o Supremo Tribunal Federal e o Superior Tribunal de Justiça, como evidencia o parecer do setor técnico deste Conselho, já assentaram de suas resoluções e instruções normativas a exclusão do termo ‘criança’ nos atos que cuidam da adoção, como a deixar bem claro, como deixam, que o principal é a adoção, e não a idade do adotado”

(Fonte: Conselho Nacional de Justiça)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine e fique por
dentro de nossas
últimas notícias!

Balcão Virtual Extrajudicial!

Certificado
E-notariado

Veja Mais

Estatuto da Pessoa com Câncer é sancionado

Loading

Com o atendimento integral à saúde da pessoa com câncer obrigatório no Sistema Único de Saúde (SUS), o Estatuto da Pessoa com Câncer – Lei 14.238/2021 – foi publicado na edição desta segunda-feira (22) do Diário Oficial da União. Pela norma, de iniciativa da Câmara dos Deputados, aprovada com modificações

No direito privado, colegiados julgaram questões relevantes sobre família

Loading

Ao longo de 2020, os ministros do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiram importantes questões no campo do direito privado, em temas como adoção por avós, prisão de devedores de alimentos durante a pandemia da Covid-19 e a contagem do tempo de atividade para a recuperação judicial do empresário rural.

Lei determina inclusão de dados sobre raça em documentos trabalhistas.

Loading

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou a Lei 14.553, de 2023, que determina a inclusão de informações sobre raça em registros de trabalhadores. A norma foi publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira (24). De acordo com o texto, os dados sobre pertencimento a segmento étnico-racial valem

e-Revista debate uniformização regulatória registral e notarial pelo CNJ

Loading

A segunda edição da Revista Eletrônica do Conselho Nacional de Justiça (e-Revista) – Volume 6 (jul./dez. 2022) traz, em sua série de artigos, uma análise proposta pelos juristas da Universidade de Fortaleza Rafael Cavalcante Cruz e Vitor Storch de Moraes sobre as normas aprovadas pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ)

Olá visitante!

Institucional

Telefone: (61) 3298-3300

Endereço: Quadra Central Bl. 07 Loja 05

Receba nosso boletim semanal exclusivo com notícias de direito notarial e registral

Fique por dentro de todas as nossas novidades e serviços

 

Conheça também nossa página de Serviços e nosso Blog 

Também não gostamos de Spam, manteremos seus dados protegidos, Veja nossa política de privacidade